...............................................................................................................................................

The aim of life is appreciation; there is no sense in not appreciating things; and there is no sense in having more of them if you have less appreciation of them.


..........................................................................................................Gilbert Keith Chesterton
....................................................................................................................................................

sábado, 10 de dezembro de 2011

Opernplatz

As Universidades situadas em Estados da zona Euro ficam obrigadas a enviar para Berlim todos os livros de Economia em seu poder em que se exprima concordância, ainda que parcial, com as teorias irresponsáveis, indisciplinadas e despesistas do economista degenerado (entarteter Wirtschaftler) John Maynard Keynes. Estes livros serão queimados em público numa cerimónia a que assistirão obrigatoriamente todos os Chefes de Estado e de Governo dos países em causa, assim como os governadores dos respectivos Bancos Centrais e presidentes dos respectivos Parlamentos. A desobediência a esta norma poderá levar a que o Estado ou Estados em causa sejam declarados em incumprimento para efeitos de aplicação de sanções económicas ou outras.

2 comentários:

Donatien disse...

Isso lembra-me qualquer coisa...

Fliscorno disse...

Tem graça como boca. Sendo para levar a sério ter-se-ia que falar das abissais diferenças entre os contextos do tempo de Keynes e o actual e entre o que se fez nesse tempo e o que se tem feito nos últimos anos cá no rectângulo.